Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

QUINTA DO QUIM

FADOを歌おう、キンちゃん邸

FADOを歌おう、キンちゃん邸

Filipa Tavares

もう4年余り前の動画だが、 Filipa Tavares の身振り手振りが可愛らしいので載せておく。上着の柄もいいね。陽性の歌声が魅力。
Fado Triplicadoは 楽しいメロディーだ。これを好む歌手も多いのだろう、歌詞も色んなものがある。
次の歌詞は、その中のひとつだ。

 

Vamos ao Ribatejo

Anda dai, vem comigo
Dar abrigo ao fado antigo
Satisfaz o meu desejo
E traz a tua guitarra
Nossa amarra, porque a farra
É hoje no Ribatejo

Vamos ao amanhecer
Quero ter esse prazer
Ver altivo na montada
O campino tão valente
Vir na frente, velozmente
A conduzir a manada

Vamos também à corrida
Que ela é tida e prometida
Como sendo das mais raras
Que a minha alma delira
E admira um ferro à tira
E a boa pega de caras

Antes da noite findar
A cantar hei-de provar
Que alguém dirá com certeza
Festa de toiros sem fado
Tem agrado, dá seu brado
Mas não é bem portuguesa
 

 Letra: Clemente Pereira
 Música: José Marques

 

Joana Rangel

次の動画は、きのう投稿されたばかり。名匠 António Parreira が伴奏しているではないか。
昨年(2017)10月にリスボンであったコンサートだ。お元気そうで。

歌っているのは Joana Rangel 。
ギターは Guilherme Carvalhais。
フルートは André Pleno (Joana の夫)。
 

Estás a pensar em mim (Fado Sérgio)

 Estás a pensar em mim, promete, jura
Se sentes como eu o vento a soluçar
As verdades mais certas mais impuras
Que as nossas bocas têm p'ra contar

Se sentes lá fora a chuva estremecida
Como o desenlaçar duma aventura
Que pode ou não ficar por toda a vida
Diz que sentes como eu, promete, jura

Se sentes este fogo que te queima
Se sentes o meu corpo em tempestade
Luta por mim amor, arrisca, teima
Abraça este desejo que me invade

Se sentes meu amor, o que eu não disse
Além de tudo o mais do que disseste
É que não houve verso que eu sentisse
Aquilo que eu te dei e tu me deste
 

Fado Mundo

Fado Mundo」という新しいCDがこのほどリリースされた。
現在活躍中の11人の女性歌手が参加している。主に古典ファドなのだが、伴奏がひとひねり、ふたひねりされたアレンジになっている。
次の動画は、その中の1曲。 Catarina Rosa が歌っている。
歌詞のタイトルは Beijo de amora、メロディー名は Fado Cravo 。
ギター André M. Santos
ポルトガルギター Hugo Edgar
コントラバス Óscar Torres

 Beijo de amora

Já sei a que sabe agora
Tua boca cor de amora
Antes de amadurecer
De rubra cor dos desejos
Quando se desfaz em beijos
É fruto de enlouquecer

A tua boca é um verso
Mistério do universo
Constelação infinita
Queima como um sol na pele
Sabe à doçura do mel
É a rima mais bonita

Seja sempre a tua boca
A carícia quase louca
Que ao beijar me rouba a calma
E seja p'la vida fora
Tua boca cor de amora
O beijo da minha alma

  Letra:  Mário Rainho

  Música: Alfredo Duarte  (Marceneiro)

 

駿馬

Maria do Céu Corça

 Cavalo Ruço

Eu tive um cavalo ruço
Que se chamava gingão;
De uma capona bravia
Que eu queria e sentia
Como a um bom irmão

 

Era o cavalo mais lindo
Que nasceu no Ribatejo
Eu nunca tive outro assim
Tão manso que enfim
Ainda o desejo

 

Saltava que era um primor
Tudo fazia com graça
Era bom a tourear
A derribar sem vacilar
No campo ou na praça

 

Corria lebres com gosto
E nenhum galgo o passava
E quando o viam a correr
Com prazer, sem sofrer
A todos pasmava

 

A brincar lá na lezíria
O iam admirar
Ainda parece que o vejo
Á beira do Tejo
A correr e a saltar

 

Foi um toiro que o matou
Num dia de infelicidade
Eu nunca mais montei
Nem sei se o farei
Tal é a saudade

 

  Paulo José Carvalho Vidal , Frederico Valério 

Saudade, silêncio e sombra

 

Pedro Moutinho

 

A saudade, meu amor
É o martírio maior
Da minha vida em pedaços
Desde a tarde desse dia
Em que ao longe se perdia
P'ra sempre o som dos teus passos

 

Saudades fazem lembrar
Segredos no teu olhar
Silêncios na tua voz
E essa antiga melodia
Que o vento na ramaria
Murmurava só p’ra nós

 

Lembras-te daquela vez
Em que eu cantava a teus pés
Trovas que não tinham fim
Quando o luar prateava
E quando a noite orvalhava
As rosas desse jardim

 

Jardim distante e deserto
Sinto tão longe e tão perto
O passado que me ensombra
Devaneio e realidade
Silêncio, sombra, saudade
Saudade, silêncio e sombra

 

  Letra : Nuno Lorena
  Música : Pedro Rodrigues

Barquito corcel

きのうアップされたYOUTUBE動画。謎の早口言葉にしか聞こえない…

Vera Monteiro

 Barquito corcel

Cada vez que se faz ao mar, o meu barquito
Leva a esperança, as redes, e os remos p'ro labor
Cada vez que se faz ao mar todo expedito
Acredito que o mar ao meu barquito tem amor

 

Cada vez que ele afastando as ondas faz distante
Minha aldeia que dorme no sossego do luar
Mais eu sinto que há nele o jeito terno do amante
Que em segredo se encontra á luz da lua com o luar

 

Ai meu barquito corcel
Pulando as ondas do mar
Rabo de espuma e a pele curtida
P'lo sol e o luar

 

Cada vez que o vejo sobre a areia, vejo a mágoa
Que aparece quando se tem longe o nosso amor
Mas depois, logo a maré enche e um beijo de água
É carícia que faz enaltecer-lhe a viva côr

 

Cada vez que vê sobre o seu mar outra conquista
Ergue a proa gritando em desafio essa traição
E então, nos seus olhos de mar logo se avista
O ciúme romper-lhe em maré cheia o coração

 

Ai meu barquito corcel
Pulando as ondas do mar
Rabo de espuma e a pele curtida
P'lo sol e o luar

 

 Letra e Musica : Jorge Fernando

 

Tiago Simões

 ギターは Bernardo Viana 。そしてポルトガルギターは、故 Sidónio Pereira

Meu nome sabe-me a areia

マルセネイロの Fado Bailado のメロディーに載せた歌では、アマリアの Estranha Forma de Vida がむしろよく知られている。

 
が、もう一つ Meu nome sabe-me a areia という詞もある。
次の動画は、Ana Sofia Varela が歌っているもの。

 
Ana Sofia は、ストレートヘアーにしちゃったんだね。前のくりくりしたヘアースタイルの方が好きだったんだけどなあ。

Meu nome sabe-me a areia
Que cresce no rio novo
Entre as verdades que sonho
E as tristesas que transponho
Meu nome sabe-me a povo
 
Corro os caminhos do mundo
Como um tronco de raiz
E se canto uma saudade
Eu limito a humanidade
Aos cantos do meu país
 
Meu nome gastou os dias
Que eu trilho de amor ao lado
Vivo a afagar uma estrela
E no desejo de vê-la
Meu nome sabe-me a fado

  (Vasco Lima Couto/Alfredo Duarte) 

 

次の動画は、アマリアが歌った Meu nome sabe-me a areia。

 

Luis Carlos

Luis Carlos 。髪は長いが男の子である。
次の動画は、Mouraria で毎年行われている Fernando Maurício 追悼のファド祭での様子(昨年7月)。この時彼はたぶん11歳。
彼のファドの師匠 Vitor Miranda が長髪なので、それにあやかって髪を長くしているのかな。
( Vitor は長髪の上にごつい体をしているので、見た目はファディスタというより、ロック歌手かプロレスラーみたいである)
次の動画でポルトガル・ギターを弾いているのは、Sérgio Costa だね。

Na boca de toda a gente 

 Se eu te disser ao ouvido

Que o fado me tem pedido
Para ninguém o cantar;
Por favor, guarda segredo
Porque o fado está com medo
Que alguém o queira matar

 

Anda tão envergonhado
Que diz que já nem é fado
Nem julga que o fado exista
Porque quem sente vaidade
Em dar abrigo á saudade
Já não pode ser fadista

 

E depois o fado diz
Que não pode ser feliz
Na boca de toda a gente
E que talvez a meu lado
Possa voltar a ser fado
Como era antigamente

 

É por isso que eu lhe digo
Que quando lhe dou abrigo
Sinto o peito tão cansado
E um dia, talvez consiga
Que ao chorar o fado diga
Que quer voltar a ser fado

 

  Letra: Tiago Torres da Silva 
  Música: Daniel Gouveia 

 

Teresinha Landeiro

Teresinha Landeiro 19歳。大御所セレステ・ロドリゲスの前でも、物怖じせぬ伸びやかな歌いっぷり。素晴らしい。

O Teu Olhar (Fado Olga)

Desde que vi os teus olhos
Tenho o meu fado marcado
Meu fado, são os teus olhos
Teus olhos, são o meu fado

 

Teus olhos, meninos tontos
Dentro de mim estão brincando
Se ergo os meus olhos um pouco
Vejo os teus olhos dançando

 

Eu quis cantar ao teu olhar que me encantou
Pois nele achei, como não sei, inspiração
Foi o calor dum olhar teu
Que me prendeu, e desde então
O teu olhar é a razão desta paixão

 

Todas as minhas canções
Vivem do teu lindo olhar
Quando não olhas p'ra mim
Já eu não posso cantar

 

Teus olhos são dois poetas
De grande imaginação
Foram eles que ditaram
Os versos desta canção

 

  Letra: Fernando Farinha
  Musica: Carlos Ramos

O Vento (Fado Magala)

O Vento - Fado Magala
Francisco Salvação Barreto 

Teresa Siqueira 

Maria Teresa de Noronha 

Se o vento soubesse ler
Leria em meu pensamento
A loucura de te ver
A toda a hora e momento

 

Dizer-te aquilo que sinto
Não sei se parece mal
Diz que sim, não te desminto
O que sou eu afinal

 

A brisa quando ao passar
Murmura entre a folhagem
Palavras para te adorar
Carinhos à tua imagem

 

Ouve esta frase sentida
Sem amor não há viver
Amar é próprio da vida
Ai se o vento soubesse ler

 

  Letra: Maria da Graça Ferrão
  Música: Américo Duarte

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2009
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2008
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2007
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2006
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D